Passar para o Conteúdo Principal Top
C.M. Ílhavo - Voltar ao início
share rss facebook

António Gomes da Rocha Madahil

António Gomes da Rocha Madahil

CÓDIGO DE REFERÊNCIA

PT/CDI/AGRM

 

TÍTULO

António Gomes da Rocha Madahil

 

DATAS

19?? - 1960

 

NÍVEL DE DESCRIÇÃO

Fundo / arquivo

 

DIMENSÃO

23 m.l.

 

SUPORTE

Papel; poliéster

 

PRODUTOR

António Gomes da Rocha Madahil

 

HISTÓRIA ADMINISTRATIVA

António Gomes da Rocha Madahil nasceu em Ílhavo 10 de dezembro de1893 e faleceu em Lisboa a 27 de junho de 1969.
Estudou no liceu Nacional de Aveiro, tendo continuado os estudos na Universidade de Coimbra. Começou no curso de Direito e continuou em Letras.
Em termos profissionais, foi responsável pela organização da biblioteca do Liceu José Falcão. Em 1927 tomou posse como primeiro conservador da Biblioteca Geral da UC ficando a seu cargo as secções de “manuscritos” e “reservados”.
Entre 1932 e 1952 foi Conservador do Arquivo e do Museu de Arte da Universidade de Coimbra. Nos anos trinta deu também o seu contributo como Conservador-ajudante no Museu Machado de Castro. Rocha Madahil foi um dos grandes impulsionadores do Museu de Ílhavo, tendo sido seu Diretor entre 1934 e 1969. Publicou várias obras, uma das quais: “Etnografia e história – bases para a organização de um museu municipal de Ílhavo (1933).
Votado aos estudos de investigação relativos à região de Aveiro. Reuniu documentos e estudos de grande importância para a memória cultural, na revista Arquivo do Distrito de Aveiro, entre outras.
Foi bolseiro do Instituto de Alta Cultura para o estudo da interferência da pirataria argelina nas navegações portuguesas, de 1951 a 1953. Foi nomeado para o cargo de Diretor da Biblioteca e Arquivo do Distrito de Braga.
A obra foi prolífera e variada, abrangeu domínios diversos como a história, a etnografia, a arqueologia, a iconografia e a heráldica. Foi também colecionador.
O Arquivo António Gomes da Rocha Madahil trata-se de uma doação efetuada pelo próprio e pelo seu filho ao Museu e comporta documentação recolhida no âmbito das investigações e interesses que fazia e que detinha.

 

CONDIÇÕES DE ACESSO

O acesso a estes documentos rege-se pelo regulamento arquivístico em vigor.

 

INSTRUMENTOS DE DESCRIÇÃO

Guia

 

DATA DE DESCRIÇÃO

2014

 

HISTÓRIA CUSTODIAL E ARQUIVÍSTICA

O Fundo foi sendo doado pelo próprio durante a sua vigência como Diretor do Museu Marítimo de Ílhavo e pelo filho após o seu falecimento.

 

FONTE IMEDIATA DE AQUISIÇÃO OU TRANSFERÊNCIA

Pelo próprio durante o desempenho das suas funções como diretor e por familiares.

 

ÂMBITO E CONTEÚDO

O Fundo comporta documentos pessoais, textos assinados pelo próprio e por outros, documentação ligada às investigações, apontamentos e transcrições manuscritas, obras autografadas, edições do autor, monografias, publicações periódicas, postais, cartazes, fotografias, negativos e correspondência.

 

SISTEMA DE ORGANIZAÇÃO

Este arquivo encontra-se organizado por número de referência.

 

NOTA DO ARQUIVISTA

As datas extremas apresentadas são datas aproximadas, visto que ainda não se efetuou o recenseamento da documentação.

 

voltar