Passar para o Conteúdo Principal Top
C.M. Ílhavo - Voltar ao início
share rss facebook

COVID-19: Acionado o Plano Municipal de Emergência e Proteção Civil de Ílhavo

COVID-19: Acionado o Plano Municipal de Emergência e Proteção Civil de Ílhavo
20 Março 2020

Após a realização, hoje, 20 de março, da reunião extraordinária da Comissão Municipal de Proteção Civil de Ílhavo, foi acionado o Plano Municipal de Emergência e Proteção Civil de Ílhavo, no âmbito das medidas de mitigação do surto pandémico da COVID-19.
O Plano prevê o reforço operacional de forças e meios municipais, a articulação com diversas entidades relacionadas com a saúde e a proteção civil (bombeiros e forças de segurança) e, principalmente, na ligação permanente e estreita com o Comando Distrital de Operações e Socorro (CDOS) de Aveiro, assegurando fluxo de informação constante.
Este é um instrumento que permitirá à Comissão Municipal a elaboração de planos operacionais e a monitorização do desenvolvimento do surto, nos quais se podem incluir a implementação de estruturas de resposta, como por exemplo, o apoio da Câmara Municipal à instalação do Centro de Triagem COVID-19, no Centro de Saúde de Ílhavo, a criação de espaços de acolhimento, como alguns quartos no Stella Maris, destinados a eventuais casos de isolamento e de apoio, ou a disponibilização de equipamentos municipais, como escolas ou pavilhões desportivos, para respostas médicas e logísticas às atividades necessárias no combate do COVID-19.

A Comissão Municipal de Proteção Civil, presidida pelo Presidente da Câmara Municipal de Ílhavo, reforça as orientações do Ministério da Saúde e da Direção-Geral da Saúde no que respeita aos cuidados de higiene (lavar abundantemente as mãos), afastamento social e recurso à Linha SNS24 em caso de sintomas (e não diretamente ao Centro de Saúde ou ao Hospital), bem como as restrições impostas pelo Estado de Emergência, reguladas pelo Governo, no que respeita ao isolamento social, à diminuição ou anulação de deslocações, à aquisição consciente e limitada de produtos alimentares ou de medicamentos, entre outros.

A Comissão Municipal deixa um apelo e um alerta a todos os Munícipes para que cada cidadão se consciencialize que este é um problema grave, nunca antes vivido, e que exige o empenho e colaboração de todos.

Todos Somos Proteção Civil!