Passar para o Conteúdo Principal Top
C.M. Ílhavo - Voltar ao início
share rss facebook

CMI novamente distinguida como Autarquia Familiarmente Responsável

Afr 1 1024 2500
22 Novembro 2018

O auditório da Fundação CEFA, em Coimbra, foi o local escolhido para a realização, no dia de ontem, da cerimónia de distinção das 70 Autarquias Familiarmente Responsáveis (entre 130 candidaturas), galardão atribuído pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis.
Pelo terceiro ano consecutivo a Câmara Municipal de Ílhavo recebeu o galardão, Bandeira Verde “Autarquia Familiarmente Responsável”, como resultado das boas práticas, incentivos e políticas implementadas de apoio à família.
Para a Vereadora do Pelouro da Inclusão e Cidadania, Fátima Teles, «esta distinção significa que o empenho e o compromisso assumido pela Câmara Municipal em matéria de responsabilidade familiar tem proporcionado às famílias do Município de Ílhavo um bem estar e uma qualidade de vida que, não tendo atingido a perfeição, permitem encarar o futuro com otimismo».
Para atribuição da Bandeira Verde são avaliadas e analisadas as políticas da família em diferentes áreas de atuação, tais como o apoio à maternidade e paternidade; apoio às famílias com necessidades especiais; serviços básicos; educação e formação; habitação, urbanismo e acessibilidades; transportes; saúde; cultura, desporto, lazer e tempo livre; cooperação, relações institucionais e participação social; entre outras iniciativas.
Este importante galardão é o reconhecimento de diversas medidas e políticas concretas que a Câmara Municipal de Ílhavo tem vindo a implementar, com especial destaque para o Plano Municipal de Apoio À Família; a redução do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para famílias com descendentes, o chamado “IMI Familiar”, novamente implementado para o ano de 2019; e os vários apoios sociais, como, por exemplo, as Bolsas para o Ensino Superior ou as ações desenvolvidas pelo Gabinete de Apoio à Família e o Serviço de Apoio à Formação e Emprego para jovens e adultos desempregados.