Passar para o Conteúdo Principal Top
C.M. Ílhavo - Voltar ao início
share rss facebook
Início
Visite ÍlhavoVisit Ilhavo

03 de Novembro de 2019

Sim, leu bem, Ílhavo gratuito. Porque neste município nos preocupamos com todos, absolutamente com todos, preparamos algumas sugestões para quem quer poupar mas que não prescinde de usufruir da aventura do conhecimento, da beleza ou até da saúde. Inspire-se nas nossas sugestões e viva, sem preocupações, Ílhavo, só pelo prazer de desfrutar…

 

Selecione o dia e o mês pretendido. A lista inicial refere-se às iniciativas gratuita de hoje...

Lista de equipamentos que poderá usufruir gratuitamente (total ou periodicamente):

Largo do Farol, Praia da Barra, Gafanha da Nazaré

GPS: 40° 38' 34.29" N, 8° 44' 50.24" W

Às quartas-feiras à tarde as visitas realizam-se em 3 subidas (aproximadamente de hora a hora), no período das 13h30 e as 16h30 (inverno) ou no período das 14h00 às 17h00 (verão). Realizam-se sem possibilidade de agendamento prévio e por ordem de chegada.

Para agendamento de visitas em dias além das quartas-feiras à tarde (grupos escolares e outros) deve efetuar-se solicitação à Direção de Faróis da Autoridade Marítima Nacional para o e-mail dfarois@amn.pt. Estes agendamentos estão sujeitos a disponibilidade do farol sendo gratuitos para estudantes e menores de idade (4,50€ para adultos).

Observações: implica a subida da escadaria de acesso.


Concluído em 1893, e exibindo uma majestosa torre cilíndrica com 66 metros de altura, que o tornam no mais alto do País e no segundo mais alto da Europa, o Farol da Barra é um dos ex-libris do Município de Ílhavo, sendo visitado anualmente por milhares de turistas que, após uma subida de 288 degraus, se deparam com uma das melhores paisagens costeiras do País.

Rua S. Francisco Xavier, Gafanha da Nazaré

Tel.: (+351) 916 926 801

GPS: 40° 38' 12.66" N, 8° 42' 59.84" W

Visitas às quartas-feiras à tarde entre as 14h00 e as 17h00.

Visitas para grupos (neste ou outros horários) mediante agendamento telefónico prévio.


A Casa Gafanhoa, construída nos finais da década de 20 do Século XX, é uma antiga habitação de lavradores recuperada e convertida em Museu Municipal a 11 de novembro de 2000, atualmente gerido pelo Grupo Etnográfico da Gafanha da Nazaré. No seu interior, encontra-se um testemunho fortíssimo dos modos de vida rurais da população do município, intimamente relacionados com as fainas do Mar e da Ria que caracterizam a sua Cultura, Etnografia e Tradição.

Avenida Dr. Rocha Madaíl, Ílhavo

Tel.: (+351) 234 329 990

E-mail: museu@cm-ilhavo.pt

GPS: 40° 36' 16.35" N, 8° 39' 56.58" W

É gratuito o acesso às exposições temporárias existentes no Museu Marítimo de Ílhavo e ainda o acesso à Biblioteca, à loja e à cafetaria. É também gratuito o acesso ao Museu no segundo domingo de cada mês. Consulte a informação completa e atualizada aqui...

O Museu Marítimo de Ílhavo (MMI) foi fundado a 8 agosto de 1937. Lugar de memória dos ilhavenses que o criaram, o Museu começou por assumir uma vocação etnográfica e regional. Atualmente, é testemunho da forte ligação dos "Ílhavos" ao Mar e à Ria de Aveiro. A “faina maior” - pesca do bacalhau, à linha, com dóris de um só homem, nos mares da Terra Nova e da Gronelândia, bem como as fainas agromarítimas da Ria são as suasreferências patrimoniais. No atual edifício poderá também conhecer o Aquário dos Bacalhaus, sem esquecer o próprio edifício, um belo exemplar de arte pública.

(polo do Museu Marítimo de Ílhavo)

Jardim Oudinot, Gafanha da Nazaré

Tel.: (+351) 234 329 990

E-mail: museu@cm-ilhavo.pt

GPS: 40° 38' 29.78" N, 8° 43' 47.88" W

Para além de alguns dias comemorativos gratuitos, ao longo do ano, é também gratuito o acesso ao Navio Museu no segundo domingo de cada mês. Consulte a informação completa e atualizada aqui...

O Navio-Museu Santo André é um polo do Museu Marítimo de Ílhavo. Fez parte da frota portuguesa do bacalhau e pretende ilustrar as artes do arrasto. Este arrastão lateral (ou “clássico”) nasceu em 1948, na Holanda, por encomenda da Empresa de Pesca de Aveiro. Era um navio moderno, com 71,40 metros de comprimento e porão para vinte mil quintais de peixe.

3830-292 Vista Alegre, Ílhavo

Telefone geral: (+351) 234 320 600

Telefone direto: (+351) 234 320 628

E-mail: museu@vistaalegre.com 

GPS: 40°35'22.4"N 8°41'01.3"W

Visitas livres gratuitas todos os segundos domingos de cada mês e ainda nos dias 18 de maio (Dia Internacional dos Museus) e 18 de junho (comemoração da abertura ao público do aniversário do museu).

O Museu Vista Alegre, integra um espaço destinado à preservação, exposição e interpretação do património cultural da Fábrica da Vista Alegre, sendo também a partir deste espaço que são possíveis, entre outras atividades, as visitas à Capela de Nossa Senhora da Penha de França, capela datada do século XVII e monumento nacional desde 1910 e participação nas atividades do Serviço Educativo do Museu Vista Alegre, onde ocorrem diversas atividades relacionadas com pintura e escultura e ainda visitas especiais quer ao Museu quer ao bairro operário.

  • Museu Etnográfico do Rancho Regional da Casa do Povo de Ílhavo

Rua da Barca, Gafanha da Boavista, 3830-005 Ílhavo

(antiga Escola Primária da Gafanha da Boavista)

Tel. (+351) 234 327 556

Tlm. (+351) 962 318 662

E-mail: claudiafreigota@sapo.pt 

GPS: 40°35'13.4"N 8°41'30.1"W

Visitas para grupos mediante marcação prévia.

O Rancho Regional da Casa do Povo de Ílhavo foi fundado em 1984 com a finalidade de fazer reviver as danças e os cantares, os usos e costumes das gentes de Ìlhavo, recolhendo, preservando e divulgando a cultura popular Ilhavense. Desde 2009, na antiga Escola Primária da Boavista, que esta associação cultural dinamiza o seu Museu Etnográfico.

Horário: das 09h00 às 12h30 e das 13h30 às 17h30

Tel.: (+351) 234 363 980

E-mail: educacao@cm-ilhavo.pt

GPS: 40° 37' 33.70" N, 8° 42' 29.02" W

Gratuita e acessível ao público em geral todos os quartos sábados de cada mês durante a atividade EMER em Família.

Principais objetivos:

    • Promover a Educação de Crianças e Jovens como utentes da via pública;
    • Consciencializar docentes, famílias e comunidade em geral, para a importância da Prevenção Rodoviária;
    • Despertar nos Jovens bons hábitos e atitudes corretas na via pública, enquanto peões, passageiros e ciclistas;
    • Desenvolver Projetos Educativos que visem a Educação e a Segurança Rodoviária, em colaboração com as Escolas, alunos, docentes e pais.

 

Selecione, no mapa, o marcador da área onde se encontra para melhor conhecer as atividades e equipamentos com oferta gratuita (ou parcialmente gratuita)... A listagem completa está abaixo listada.